RPG com o Firmo

É iiisso mesmo meus queridos amiguinhos, amiguinhas e seus respectivos cachorros ( ?? ) Após um longo hiato, voltaremos a celebrar o RPG raiz, o RPG de rua… aquele RPG moleque! Vamos jogar com nosso querido Mestre ( assassino ) Firmo!!!\
A ideia é começarmos novos personagens, do level 1 ( não chorem ) e construí-los como fizemos com nossos primeiros personagens Épicos! Enfim, jogaremos na sexta ( 24 ) a partir das 13:00 na minha área.

Portanto, meus queridos companheiros, afiem suas espadas, apertem seus escudos, decorem suas magias destruidoras porque, quando se joga o jogo do Firmo… ou você vence, ou voce MORRE! ( Nedd Stark manda abraços )

Ps1: Acho legal já postarmos nos comentários cada um o personagem que irá jogar, assim como um histórico do mesmo, para já conhecermos o grupo

Ps2: Eu vou jogar de warrior

Ps3: Bom videogame! =)

Beijos na pontinha dos narizes LINDOS de vocês!

Anúncios

Conto do Último Encontro – 05/06/11

Finalmente a exploração em busca do Dragão Kryonar teve sua continuidade.

Os aventureiros passaram a explorar o labirinto de cavernas do monte Nar, onde tiveram outro encontro com Cyplopes e outras criaturas Feéricas. Em uma das câmaras da caverna, acabaram encontrando um Formoriano e um cambion, os quais igualmente foram derrotados. Em poder do Formoriano, encontraram um gigantesco livro, com as páginas em branco, o qual acabou não revelando seus segredos e então foi diminuído até um tamanho aceitável e armazenado pelos aventureiros. Depois de circularem sem direção pelos incontáveis túneis da galeria, e é claro alguns escorregões durante as escaladas, acabaram resolvendo descer dentro de uma grande fenda que cortava o grande salão da caverna. Dentro da fenda acabaram por encontrar Kryonar, um dracolich que ainda possuia traços de sua vida como dragão branco.

O começo do combate foi tenso, já que Kryonar conseguiu aprisionar todos os aventureis em jaulas de gelo. O Halfiling teve uma brilhante recuperação, conseguindo se soltar de sua prisão antes de seus amigos, e então passou a disparar suas flechas contra o dragão zumbi. O combate contra o dragão acabou mostrando-se fácil, já que Kryonar era vulnerável à rima do fogo do bardo e aos ataques de fogo do mago e ataques radiantes do paladino. Combos extraordinários surgiram quando tanto o mago quanto o bárbaro, potencializados pelos poderes arcanos do bardo, causaram 140 de dano, cada, em um turno, no dragão que acabou cercado e derrotado. Incrível também o fato do Halfling ter conseguido deixar o dragão atordoado, o que o fez perder a oportunidade de sopro quando começou a sangrar.

 Mais à frente, na fenda, encontraram uma parede mágica de gelo e energia necrótica, sendo que ainda possuia um campo de força que somente permitia a entrada de criaturas draconianas. O Paladino então banhou-se no pouco sangue que escorria do couro rasgado do dragão e então atingiu a parede com golpes radiantes, que romperam a parede necrótica, enquanto o mago lançava mísseis mágicos, que romperam a parede gélida. Graças ao sangue draconiano que tocou o campo de força, a barreira foi quebrada e os aventureiros tiveram acesso ao tesouro de Kryonar, onde encontraram ítens poderosos para auxiliá-los em suas buscas.

Depois de um descanso longo, resolveram continuar explorando a fenda e notaram que os ossos de Kryonar estavam se reagrupando, indicando assim que em alguns dias Kryonar poderia ressurgir. Depois de alguns dias descendo pela fenda, os aventureiros perceberam que estavam em um túnel que liga o plano material a outro plano, o qual vieram a saber tratar-se do FEYDARK!

Sejam Bem vindos ao FEYDARK, aventureiros!